MicroLearning

O que é o MicroLearning?

MicroLearning é um “pacote de ensino’’ de 3 a 5 minutos, de fácil acesso, rápido de completar, e é orientado para aplicar o que foi aprendido e torná-lo hábito no aluno ou empreendedor, imediatamente após a conclusão do curso. Portanto, seu impacto na eficiência é enorme.

MicroLearning

Passos para criar o melhor micro-curso

Como projetar uma ótima experiência com cursos curtos e concisos? Se você quer projetar um modelo de micro-curso, primeiro é conveniente definir qual é a necessidade de aprendizado que nos guia:

Aprenda algo novo
Mergulhe mais profundamente em um determinado aspecto.
Resolva um problema específico.
Pratique para ganhar uma habilidade
Aplicando o conhecimento adquirido.

Construir uma missão e construir um negócio andam de mãos dadas. – Mark Zuckerberg

Como previsto pelo fundador do Facebook, o primeiro passo a seguir para o sucesso é definir o objetivo ou propósito. Em seguida, comece a projetar com base nos eixos centrais da jornada rumo à implementação do microlearning:

1 Defina um objetivo de desempenho específico. Alguns objetivos possíveis são: introduzir uma noção, mudar um comportamento ou explorar uma ideia. Deve ser parte de uma estratégia mais ampla de uma organização, de modo que faça sentido reter certas habilidades incorporadas por um período de tempo mais longo.
2 Diagrama de uma ideia por módulo: Você só tem 3 a 5 minutos para impactar seu aluno em direção à realização de uma mudança de comportamento visível. Lembre-se: sempre menos é mais , por isso recomendamos incluir apenas os conteúdos que agregam valor.
3 Inclua uma atividade de aprendizado focada. Pode ser um jogo, uma discussão ou um vídeo interativo, mas essa atividade se concentra em uma única ação ou conceito.
4 Ative o acesso móvel . Hoje, a forma como os alunos aprendem mudou, para um treinamento em movimento, visual, com vídeos e de qualquer dispositivo , até preferem os telefones.
5 Use multimídia . Usando elementos visuais e multimídia será mais divertido.
6 Oferecer personalização . O usuário tecnológico é um consumidor ávido por se sentir como um cliente único e exclusivo, por isso é essencial customizar as aplicações que proporcionam aprendizado.
7 Interações : Deve ser adaptado às necessidades individuais de treinamento. Para isso, é conveniente utilizar branches (branching): consiste em fazer uma pergunta e mostrar um recurso diferente de acordo com a resposta do usuário.