Diferenças no tratamento para pacientes com câncer de ovário

Diferenças no tratamento para pacientes com câncer de ovário

Uma pesquisa realizada pelo Instituto do Sono e Saúde(https://www.sbsono.com.br/) mostra que drogas modernas usadas para tratamento de pacientes com câncer de ovário não trazem benefício algum nos casos de tumores metastáticos – fase na qual o tumor já se espalhou pelo corpo. O resultado serve de alerta para uso generalizado desse tipo de tratamento, uma vez que o câncer de ovário é uma das causas mais comum de morte no sexo feminino.

“O uso das drogas à base de proteína TRAIL pode não ter eficácia no combate à doença para determinados tipos de tumores. Com a pesquisa, nós identificamos um grupo cujo tratamento poderia ser eficaz”, explica Letícia da Conceição Braga, autora da pesquisa que se tornou tese de doutorado da pesquisadora.

Atualmente, existem duas formas de tratamento para pacientes com esse tipo de câncer. A primeira é uma cirurgia para retirada do tumor (citorredução) para os casos de câncer primário. Já a quimioterapia é para as pacientes com câncer metastático.  Segundo Letícia Braga, o fato é que a resistência ao tratamento quimioterápico existe em mulheres – seja ele à base de cisplatina – o mais convencional, ou à base da proteína recombinante como o TRAIL – que é um tratamento novo, ainda em fase de testes clínicos.

A pesquisa focou no estudo de receptores tipo TRAIL pelo fato de existir uma droga cujo alvo é essa molécula. “Tratamentos à base de cisplatina agem de maneira genérica na célula, não diferenciando células normais das tumorais”, diz Letícia Braga. De acordo com a pesquisadora, o que acontece é que o tratamento quimioterápico é aplicado de maneira indiscriminada, sem determinar se as pacientes respondem ou não a uma determinada droga. “Daí a relevância do nosso trabalho: evitar que uma promissora estratégica terapêutica se torne ineficaz por puro desconhecimento da biologia do tumor”, completa a doutora.

Pesquisa

O trabalho científico baseou-se na identificação da presença de um gene que produz o TRAIL-R3 na membrana das células. De acordo com a pesquisadora, esse gene deveria desencadear a morte das células, mas ele trabalha de maneira distinta. “Um gene correto faz a ligação com uma molécula para ativar uma determinada função como, por exemplo, a morte de uma célula. O TRAIL-R3 é defeituoso e não cumpre essa missão”, explica Letícia Braga.

Em sua pesquisa, Braga descobriu níveis diferentes de expressão desse gene em mulheres com câncer de ovário primário e com metástase, o que tem implicações diretas na eficácia do tratamento das pacientes à base de TRAIL. “Nossos resultados mostram que, em amostras de tumor primário, esse gene tem baixos níveis de expressão, ao contrário do que ocorre em amostras de tumores metastáticos, nos quais eles são super expressos”, explica Braga.

Isso significa que o tratamento baseado na proteína TRAIL perde sua eficácia em mulheres já em fase de metástase. “Esse tratamento deve ser aplicado em pacientes que expressam menos o gene. Neste caso, os tumores primários, passíveis de cura e recuperação. Pacientes com metástase se tornam refratárias a essa terapêutica”, afirma a pesquisadora.

Outro fator que torna ainda mais relevantes esses resultados é que apenas 20% dos cânceres de ovário são diagnosticados quanto eles ainda são limitados aos ovários.  Demais casos são diagnosticados depois que a doença entra em metástase. Dados epidemiológicos mostram que, após diagnóstico tardio, 78% das mulheres sobrevive apenas um ano.

Essa primeira etapa da pesquisa foi realizada com financiamento da Fapemig (Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais), em parceria com a Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) que recrutou pacientes e coletou as amostras de tumores deles. O trabalho foi orientado pelo médico ginecologista Agnaldo da Silva Lopes, professor da Faculdade de medicina da UFMG e co-orientado pela bióloga, chefe do Serviço de Biologia Celular/ Diretoria de Pesquisa e Desenvolvimento da Funed, Luciana Maria Silva.

A próxima etapa conta com o apoio financeiro do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e vai ampliar a proporção dos resultados e também vai buscar identificar outros marcadores determinantes da eficácia desse novo tratamento à base da proteína TRAIL. “Esperamos que, ao final dessa nova etapa, em 2014, possamos realizar testes clínicos”, conclui Braga.

15 recomendações para sua primeira viagem ao exterior

viagem_ao_exterior

Viajar é bonito e se você faz isso por um longo ou curto tempo soa (e na maioria das vezes é) super divertido. Mas também envolve muitas perguntas que, certamente, se for a primeira vez que você viaja para fora do país, suscitarão muitas perguntas. Então aqui, meu amigo, tive o cuidado de escrever 15 recomendações para que sua primeira viagem ao exterior seja absolutamente perfeita.

Confira também: Florianopolis o que fazer – O Guia Brasileiro para Você.

viagem_ao_exterior

1- Cuide bem dos seus documentos:

Com algumas exceções nas quais, dependendo da sua nacionalidade e do país que você vai visitar, você pode viajar com seu documento de identidade, a partir de agora o seu passaporte é tudo . E quando digo tudo, acredite em mim, é TUDO. Eu cuido do meu passaporte quase mais do que qualquer outra coisa, porque perdê-lo às vezes pode significar que o fim da sua viagem chegou.

2- Verifique a validade do seu passaporte:

omo é sua primeira viagem ao exterior, talvez o seu passaporte esteja acabado de sair do forno, mas também pode ser que você o tenha retirado há algum tempo e esteja prestes a liberá-lo. Se for esse o seu caso, observe atentamente quando ele expirar. A maioria dos países (se não todos) exige que o passaporte sejaválido por pelo menos 6 meses a partir da data de entrada no local.

3- Valide seu registro de direção:

isso se aplica mais do que tudo, se você tiver a ideia de alugar um carro no exterior. Lembre-se de que, mesmo que você seja um Schumacher e esteja dirigindo desde os 12 anos de idade, seu registro não tem validade fora do seu país. Mas não se preocupe, é mais fácil do que você pensa. Na Argentina, por exemplo, você pode ir ao Automóvil Club Argentino para obter a licença internacional que eles lhe dão na época e é válida por um ano.

4- Traga cópias de documentos importantes:

ter uma cópia do seu passaporte, por exemplo, ajudará você a evitar levar o original com você o tempo todo e, assim, correr menos riscos de perdê-lo. Imprimi a coisa mais importante e tenho um backup no seu e-mail, no disco rígido ou no celular, só por precaução.

5- Obtenha assistência em viagens:

Sim, eu sei, eles são caros e é uma despesa que você não calculou, mas é necessária. Primeiro, porque tudo o que acontece com você fora do seu país pode ser mais caro que a assistência – há exceções, mas é melhor não arriscar. Segundo, porque é uma tranqüilidade extra para você e sua família (você não vai querer deixar todo mundo preocupado, certo?). E terceiro, porque em alguns lugares é obrigatório. Nos países da União Europeia, por exemplo, eles podem negar sua entrada, se pedirem e você não a tiver . Existem muitas empresas que oferecem seguro, por isso é bom saber o que considerar antes de escolher a assistência certa ao viajante .

6- Você não quer levar o armário inteiro com você:

Se você vai passar um longo período de férias ou tirar umas férias curtas, não precisa levar tudo o que tem. Pense que você tem que carregar você e mais ninguém além de você. Minimize o máximo que puder, leve o básico e pronto . Pense que tudo o que lhe falta será capaz de chegar a qualquer outro lugar; portanto, se você esquecer algo, não será tão sério.

7- Nunca coloque objetos de valor em sua bagagem:

Pode parecer óbvio, mas conheci mais de uma pessoa cuja viagem foi arruinada porque algo foi roubado da mala ou da mochila. A prata, os documentos, a câmera, o computador e qualquer coisa de valor que você carregará sempre os levarãona mochila ou na bolsa.

8- Não se esqueça de verificar os requisitos de cada local:

Cada país é diferente e tem suas próprias regras . Para alguns, você pode precisar processar um visto com antecedência, como acontece em muitos países asiáticos , e para outros, eles podem solicitar determinadas vacinas, como a Tailândia , para dar dois exemplos. É importante que você seja claro sobre tudo o que precisa antes de sair, para não ter surpresas ao longo do caminho. Aproveite o tempo para descobrir e não deixe tudo até o último momento, conheço casos de pessoas que tiveram que mudar de vôo (com tudo o que isso implica) por terem deixado a papelada até o fim.

9- passagem de saída:

pode até não perguntar a ele, mas há casos em que não deixam de embarcar no avião, se você não tem isso . Se você é um daqueles que gosta de aventura e quer viver a viagem enquanto caminha, não se preocupe. Em algumas empresas, você pode fazer reservas sem a necessidade de pagá-las – o que, é claro, deixará de vigorar depois de um certo tempo – e há outras que oferecem “ aluguel ” por um valor mínimo.

10- Sempre carregue um adaptador para plugues:

Será super útil eu e tirará você de mais de uma pressa. Imagine que você chega a Londres depois de 12 horas de voo e deseja carregar s telefone celular, mas, surpresa, seu plugue de três pinos não funciona com os quadrados que os ingleses têm. Você não vai gostar muito de que sua primeira caminhada pela nova cidade seja comprar algo que permita que você use seu telefone.

11- Organize-se com o dinheiro:

Existem aqueles que preferem viajar com todo o dinheiro e trocam na chegada e também aqueles que se sentem mais confortáveis ​​ao usar o cartão. O que combina com você depende de você. Lembre-se de que nem tudo pode ser pago com plástico – nos mercados de rua, por exemplo – e eles cobram uma comissão a cada vez que você extrai dinheiro. O valor varia de acordo com cada banco; portanto, é melhor verificar diretamente com eles. Se você for comprar os bilhetes, troque um pouco no aeroporto para as primeiras despesas e depois vá a uma bolsa ou banco no local em que está parando, onde a mudança geralmente é melhor.

12- Informe-se, pesquise e esteja preparado:

antes de fazer minha primeira viagem à Europa – que não fora a primeira no exterior, mas sozinha – passei lendo, escrevendo e comparando as coisas. Eu tinha um caderno cheio de informações que me ajudaram a mudar de um lugar para outro, definir o que me interessava e o que não, saber se era mais barato comprar um cartão de turista ou pagar bilhetes separadamente e milhares de outras coisas. Idealmente, você deve ler mais de um site de cada local. Procure páginas oficiais, guias on-line, leia blogs de viajantes que já estão no local que você vai visitar e tudo o que você pode pensar para estar o mais preparado possível. Lembre-se de que estar preparado não significa que você tenha que se amarrar às coisas que lê, pode liberar a liberdade depois de viajar, mas se você seguir algumas informações em sua cabeça, se sentirá muito mais confortável.

13- Faça bom uso do seu telefone celular:

hoje os smartphones são mais do que um telefone celular, são nossos aliados quando viajamos. Aproveite suas funções e faça o download de aplicativos que podem ser úteis. Mapas offline comomee um conversor de moedas são os que eu mais uso. Certamente você pode encontrar muito mais que funcionará para você, então observe o que existem milhares de idéias na web. Obviamente, a menos que você queira que todo o seu orçamento de viagem apareça na sua conta de telefone celular, não esqueça de desativar os dados móveis .

14- Não presuma que tudo funciona da mesma forma que no seu país:

Quando você viaja para o exterior, há coisas que podem mudar. Se você está acostumado a beber água da torneira em casa, por exemplo, deve levar em consideração que nem em todos os lugares é possível fazer o mesmo. Comer uma salada pode parecer delicioso, mas há lugares onde é melhor evitar vegetais crus. Que uma garota usando minissaia e camiseta não seja um grande problema em sua cidade, mas se você for à Índia, perceberá que é melhor evitá-la. É importante que você saiba como cada país para onde trabalha trabalha para evitar maus momentos ou transtornos e, além disso, é uma maneira de respeitar sua cultura .

15- Tome precauções:

Eu lhe disse anteriormente que existem países que exigem vacinas como requisito para sua entrada, mas geralmente o fazem para se proteger. Na Tailândia não há febre amarela, mas se você é argentino, eles perguntam porque você é de um dos países que podem ter a doença. Idealmente, você deve descobrir que tipo de doenças existem em cada local e agir em conformidade. Pode ser uma vacina ou apenas preencher com repelente para evitar a dengue,o importante é que você saiba como se prevenir .

 

5 dicas para cuidar do seu bebê

cuidar_do_seu_bebe

A possibilidade de bebês se tornarem adolescentes e adultos saudáveis dependerá em grande parte da maneira pela qual educamos, protegemos e atendemos às suas necessidades mais básicas . Aqui deixamos algumas dicas para o cuidado do seu bebê.

Confira agora a boia puddle jumper para seu filho

cuidar_do_seu_bebe

A alimentação

A amamentação é mais do que uma escolha : é uma decisão importante que terá um grande impacto na saúde do seu bebê. Independentemente do tempo em que você pode fazê-lo, a recomendação da Organização Mundial de Saúde é de até 2 anos. A verdade é que poucas crianças atingem essa idade sendo amamentadas, mas a OMS indica que, mesmo após dois anos, o leite materno ainda é uma excelente contribuição de calorias e nutrientes.

Também é importante que você comece seu filho a comer legumes , em vez de frutas doces. A partir dos seis meses, os vegetais devem fazer parte da dieta do bebê, complementando o leite materno.

O jogo

Não há nada de errado com o básico: palmada e ocultação são jogos que são usados ​​há anos para entreter os bebês, ajudando o cérebro a se desenvolver. Seu filho responderá à estimulação e desfrutará da interação.

Através da brincadeira, os bebês começam a aprender o que pode e o que não pode ser feito com os objetos ao seu redor , experimentar e descobri-los através da ação. Dá ao bebê prazer e satisfação ao ver que ele pode manipular seu ambiente e obter feedback dos pais, por exemplo, quando ele joga um objeto no chão e ele é devolvido a ele. Esse prazer dará ao bebê a energia e a esperança de buscar novas interações e repeti-las. Assim, o jogo ajuda a adquirir hábitos como perseverança , tão importantes para o desenvolvimento intelectual.

O sonho

É essencial estabelecer uma rotina de sono, tanto à noite quanto na soneca. A importância da soneca foi comprovada, pois os bebês muito cansados ​​têm mais dificuldade em adormecer e tendem a acordar com mais frequência à noite. Prepare um calendário do sono e comece a estabelecê-lo a partir de duas semanas da vida do bebê. Pode não ser possível no começo, mas se você seguir a rotina, o bebê se acostumará a descansar adequadamente.

Cuidados com a pele

O protetor solar é não recomendado para crianças com menos de 6 meses de idade. Portanto, é essencial que você mantenha seu filho na sombra até poder protegê-lo dos efeitos negativos do sol.

Fraldas

A maioria dos bebês entre 4 e 15 meses sofre de assaduras. Pode ser mais perceptível quando os bebês começam a comer alimentos sólidos e se manifesta com erupções cutâneas, descamação, espinhas, bolhas, úlceras etc. O melhor tratamento é manter a pele limpa e seca. Certifique-se de que seu filho esteja completamente seco após a troca de fraldas e deixe-o sem fralda o maior tempo possível.

 

Como escolher Tênis – Confira agora mesmo

tenis_de_basquete

Correr é uma das formas mais comuns de atividade física. Para isso, os especialistas reconhecem a necessidade de sapatos projetados para um treino melhor. Como sabemos, as grandes marcas são responsáveis ​​por projetá-las com uma variedade de benefícios para serem usadas da melhor maneira possível. Mas como você escolhe tênis?

Nem todos os tênis são ideais para atividades diferentes, correr não é o mesmo que praticar futebol, tênis ou basquete. Além disso, nem todo mundo tem o mesmo pé, então existem desenhos adaptados à forma que cada um tem. Portanto, hoje vamos ver como escolher calçados esportivos.

tenis_de_basquete

Conheça o seu pé

É claro que todos temos 10 dedos e dois saltos, mas além disso, os pés têm uma variedade de formas – e conhecer as especificidades do seu pé é a chave para selecionar o par de sapatos certo. A grande maioria das marcas agora propõe um modelo que se adapta a cada tipo de pé.

Uma maneira de determinar o formato do pé é fazer um ” teste de umidade “: molhe o pé, pise em um pedaço de papel marrom e rastreie a pegada. Ou apenas veja onde o seu último par de sapatos mostra mais desgaste.

Se sua pegada mostra toda a planta do pé com pouca ou nenhuma curva no interior, ou se seus sapatos apresentam o maior desgaste na borda interna, isso significa que você tem arcos baixos ou pés chatos e tende a apresentar pronação excessiva, o que significa que pés rolam.

Pode até gerar desgaste adicional na parte externa do calcanhar devido à pronação excessiva, inclusive na parte interna do antepé. Uma função de controle de movimento e suporte máximo , é mais adequada ao esporte. Com esse primeiro conhecimento, você deve analisar o apropriado para sua disciplina.

Como escolher tênis: por variáveis ​​esportivas

Os tênis de corrida são desenhados na calçada e em alguma outra superfície cheia de pequenas irregularidades. Projetos leves e flexíveis destinam-se a amortecer ou estabilizar os pés durante passadas repetitivas em superfícies duras e uniformes.

Os tênis de chão são projetados para trilhas off-road com pedras, lama, raízes ou outros obstáculos. Eles são reforçados com uma banda de rodagem agressiva para tração sólida e fortificados para oferecer estabilidade, suporte e proteção sob os pés.

Os sapatos de treinamento foram projetados para exercícios de ginástica ou Crossfit ou qualquer atividade de equilíbrio onde você prefere ter mais contato com o solo do que uma sola de plataforma grossa.

As botas (chuteiras) têm um formato especial para a prática desse esporte. Por serem bastante duros por fora, mas macios por dentro, eles permitem um melhor golpe da bola, além de uma grande resistência. Deste grupo, existem as botas de futsal ou de futebol na grama (normal ou sintética).

Os tênis de basquete deve ter excelente único, porque sem uma boa aderência o risco de lesão aumenta de forma alarmante.

Confira: Tênis de Basquete kyrie 4 – Potencialize o seu Desempenho

Descubra a diferença entre os tipos de diabetes

A diabetes é uma doença em que se apresentam concentrações elevadas de glicose no sangue de forma persistente crônica. Existem dois tipos fundamentais de diabetes: a Diabetes Mellitus tipo 1 (DM1) e a Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2). Estes dois tipos de diabetes, diferenciam-se das causas que as provocam, os sintomas, as características, o tratamento e a idade das pessoas que são afetadas. Vamos rever quais são as suas principais características e o que distingue uma da outra.

A diabetes tipo 1 (DM1)

Embora a diabetes tipo 1 pode se desenvolver em adultos, caracteriza-se, porque tem maior incidência entre os jovens e as crianças. Neste tipo de diabetes, o próprio sistema imunológico do paciente ocorre uma destruição das células beta do pâncreas, o que resulta em uma deficiência total de insulina. A insulina é o hormônio que permite que a glicose dos alimentos passa para as células do organismo.

Resultado de imagem para tipos de diabetes
Não é possível prevenir o aparecimento de diabetes tipo 1 e não se conhecem as causas que a provocam. Caracteriza-se por ser crônica, já que, uma vez que foi lançado, a doença não desaparece e requer levar um tratamento por toda a vida. As pessoas diagnosticadas com diabetes tipo 1 têm de ser administradas injeções de insulina diariamente bem estar ligados a uma bomba de insulina para poder manter um controle adequado de seus níveis de açúcar no sangue.

A diabetes tipo 2 (DM2)

Embora a diabetes tipo 2 pode afetar pessoas de qualquer idade, inclusive crianças, se desenvolve com maior freqüência em pessoas adultas e idosas. A obesidade e a vida sedentária são, entre outros, alguns dos fatores que podem causar este tipo de diabetes. A maioria das pessoas com diabetes tipo 2 podem produzir insulina, mas não em quantidades suficientes, que o organismo necessita para o seu correto funcionamento.
Em muitos casos, e em clara diferença com diabetes tipo 1, diabetes tipo 2 pode ser prevenida se mantêm os hábitos de alimentação saudáveis e se combinam com o uso de medicamentos para diabetes.

Estas são algumas das diferenças mais significativas entre um e outro tipo de diabetes:
No que se refere ao tratamento dos dois tipos de diabetes, podemos observar que requer cada um deles na tabela abaixo:
Por último, o que se combinam os dois tipos de diabetes são as complicações que ambos podem produzir a longo prazo se mantêm altos níveis de glicose no sangue de forma continuada. São as seguintes:

  • Resultado de imagem para tipos de diabetesProblemas cardíacos
    Doenças ósseas e das articulações
    Complicações cutâneas
    Disfunção sexual
    Problemas nos dentes e nas gengivas.

Diante de qualquer sintoma de surgimento de diabetes, é importante que consulte seu médico da equipe para levar a cabo todas as provas que sejam necessárias e possa determinar qual o tipo de diabetes a luz (no caso em que as provas tenham dado positivo), e qual é o tratamento ideal que você deve seguir.

Fonte: https://www.artesdecura.com.br/

Os 10 melhores locais turísticos do Peru

locais_turisticos_do_Peru

Impressionantes ruínas incas, cidades coloniais e inúmeros cenários naturais espetaculares compõem os destinos propostos nesta compilação dos melhores locais turísticos do Peru.

Confira as Melhores Dicas de Viagem para você

locais_turisticos_do_Peru

1-Lima

Capital do Peru, reconhecida em 2013 com o prêmio Travellers ‘Choice como o melhor destino emergente, uma cidade que cativa com sua mistura de modernidade e história, onde bairros de atividades vibrantes e vida noturna como Miraflores e San Isidro se cruzam com o arquiteturas coloniais antigas do Centro Histórico declaradas Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Também famosa por abrigar uma das melhores gastronomias do mundo, sendo conhecida como a Capital Gastronômica da América, hospedando entre seus inúmeros bairros, lugares inesgotáveis ​​onde é possível apreciar os sabores picantes presentes em seus mais de 400 pratos típicos.

2- Cuzco:

Cusco é fascinante por ser um destino onde você encontrará história, natureza, aventura, arte, gastronomia e costumes que são mantidos vivos. Venha desfrutar do calor de uma cidade, o calor de uma cidade que gosta de visitantes, Cusco espera por você. Você não pode perder a oportunidade de conhecê-la!

POR ONDE COMEÇAR?

Uma vez escolhida a data da viagem, o mais importante é determinar como chegar lá, escolher um hotel e quais atividades realizar durante a sua estadia. As opções são muitas e ajudaremos você a tomar a melhor decisão:

É obrigatório visitar o monumental prefeito da praça, onde você pode apreciar a Catedral Principal de Cusco . Em seu passeio pelas ruas, você encontrará lojas de artesanato, joalherias e roupas típicas, para conhecer parte da arte de Cusco.

Confira agora: As Melhores praias do Brasil

Não deixe de ir ao bairro tradicional e pitoresco de San Blas , onde você encontrará artesanato local de alta qualidade, bares e cafés tradicionais sempre cercados por ruas e varandas de onde você pode ver esse bairro e toda a cidade de Cusco. Em torno de Cusco, os incas construíram fortalezas como Sacsayhuaman , templos como  Qoricancha , Qenko e Tambomachay , se desejar, você poderá conhecer esses lugares imponentes contratando o City Tour; no passeio, verificará a engenhosidade e a arte das construções incas.

3- Vale Sagrado dos Incas:

Área mágica de desfiladeiros, sítios arqueológicos e pitorescas cidades coloniais, uma após a outra, habitadas por comunidades indígenas, que mantêm seu folclore e tradições vivos ao longo do tempo.

Seus principais enclaves correspondem ao complexo arqueológico e à cidade de Pisac , à cidade de Chinchero com seus famosos tecelões e à zona arqueológica de Ollantaytambo, a única cidade inca que permanece praticamente intacta e cujos edifícios hoje são habitados por seus descendentes.

4- Machu Picchu:

Impressionante cidade inca erguida acima de 2.360 metros acima do nível do mar, uma paisagem deslumbrante de paredes, terraços e rampas que parecem esculpidas na própria rocha, imersa entre majestosos picos de montanhas, falésias e a vegetação da floresta amazônica.

Hoje declarada Patrimônio Mundial pela UNESCO e uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno, permite recriar através de seus templos, palácios e escadarias, o que já foi a mais esplêndida construção construída pelo império Inca, compreendendo uma extensa área de 530 metros de comprimento por 200 de largura, o que inclui pelo menos 172 quartos.

5- Arequipa:

Locais de interesse especial são a Plaza de Armas, com sua catedral neoclássica, conventos como Santa Catalina, que se assemelham a verdadeiras cidadelas ou o Bairro de San Lázaro , com suas praças e ruas estreitas que evocam uma cidade andaluza.

Mosteiro de Santa Catalina em Arequipa: 

Este monumento religioso colonial com mais de quatro séculos de antiguidade, único no mundo que possui uma verdadeira cidadela onde viviam freiras da ordem Santa Catalina de Siena.

Santa Catalina, está localizada em Arequipa , uma cidade fundada em 1540 em um local especialmente escolhido por sua beleza natural, seu clima aconchegante e com um material de construção único: o silhar, uma pedra porosa de lava vulcânica que permitiu a construção de uma bela cidade. , onde foi possível construir suas próprias formas arquitetônicas, com espaços e proporções de grande valor estético, e esculpir fachadas imponentes e finos detalhes decorativos, que fizeram de Arequipa um centro colonial de identidade marcante nos principais centros urbanos do continente.

6- Lago Titicaca:

Localizado a 3.812 metros acima do nível do mar, corresponde ao lago navegável mais alto do mundo, um imenso corpo de água escondido entre as paisagens montanhosas dos Andes, na fronteira do Peru e Bolívia, perto da cidade de Puno.
Sua maior atração são as ilhas , lar de várias comunidades indígenas que mantêm vivas suas tradições ancestrais. Os mais famosos dentre eles correspondem a Taquile , lar dos quíchuas, famosa por suas roupas e arte têxtil, Amantaní , com restos arqueológicos deixados pela cultura Tiahuanaco e pelas ilhas flutuantes dos Uros., correspondendo a um grupo de ilhas artificiais fabricadas em totora pela etnia Uru, que as habita sobrevivendo da pesca, caça e tecelagem.

7- Mancora:

Sem dúvida, um dos melhores lugares turísticos do Peru para relaxar, entre quilômetros de praias de areia branca e águas quentes cercadas por uma vegetação exuberante, ondas excepcionais para o surf e um clima privilegiado, com temperaturas de verão praticamente o ano todo. .
A cidade bastante pequena também tem seu interesse, uma extensa avenida principal, cheia de lojas de artesanato e lugares onde você pode alugar pranchas de surf;  e pelo menos uma dúzia de bares que iluminam as noites com ritmos de reggae.

8- Chiclayo:

Conhecida como a cidade dos feiticeiros , devido à intensa atmosfera esotérica presente, abriga um grande número de xamãs, curandeiros e cartomantes, que normalmente atendem pessoas de diferentes cantos do país em busca de respostas para seus males. Entre os locais mais famosos, destaca-se o Mercado de los Brujos , curioso mercado instalado próximo à Plaza de Armas , onde é possível adquirir todo tipo de ingredientes para a preparação de poções e medicamentos alternativos.

Chiclayo também é uma cidade famosa por seus ambientes arqueológicos, incluindo locais como o Enterro Real do Senhor de Sipán e as Pirâmides de Tucume , enclaves impressionantes das culturas Mochica e Lambayeque , civilizações que alcançaram seu esplendor antes do Império Inca. .

9- Iquitos:

Porta de entrada para a extraordinária beleza da floresta amazônica, a floresta tropical mais extensa do planeta, declarou 2011 como uma das sete maravilhas naturais do mundo. Da cidade, começa a maioria das rotas de exploração que permitem a entrada de suas florestas virgens, navegando pelo poderoso rio Amazonas ou caminhando por suas impressionantes reservas.
Entre elas, destaca-se a enorme Reserva Nacional Pacaya Samiria, conhecida como “Floresta de Espelhos”, com um tamanho que pode ser comparado a 50% da superfície que a Suíça ou a Dinamarca ocupa, abrigando enormes pântanos e lagoas, onde é possível observar jacarés, golfinhos cor-de-rosa e anaconda, entre 1.025 outras espécies animais.

10 – Linha Nazcas:

Um enclave arqueológico enigmático localizado nos Pampas de Jumana , onde enormes geoglifos que ocupam superfícies de quilômetros de extensão se estendem entre as colinas e a superfície do deserto, adotando formas animais, vegetais e geométricas.

Entre as populações peruanas de Nazca e Palpa, encontra-se um dos maiores mistérios arqueológicos de todos os tempos. O deserto, um dos mais secos do planeta, era o lar da cultura Nazca, que entre 200 aC e 600 dC criou um conjunto de gigantescos geoglifos , visíveis apenas a uma certa altura, que formam figuras animais, humanas e geométricas.

Formas de tirar mais qualidade da sua fotografia

Formas de tirar mais qualidade da sua fotografia

A fotografia pode ser uma atividade muito interessante e enriquecedora. No entanto, tirar fotografias corretamente requer algum conhecimento e empenho da sua parte.

Continue lendo para encontrar algumas das melhores ideias em habilidades fotográficas de hoje.

Certifique-se de segurar a sua câmera corretamente para obter a melhor imagem. Certifique-se de que tem os braços presos aos quadris e uma mão deve estar debaixo do alvo para segurá-la.

Isto vai ajudar a reduzir qualquer movimento e garantir que você é capaz de obter boas fotos.

Mantenha as suas fotografias relativamente simples. Uma boa fotografia deve ser direta e fácil de interpretar e apreciar.

É importante tirar fotos significativas, mas na maioria dos casos as suas fotos dirão mais se focarem num detalhe em vez de criar uma composição complexa que não parece tão atraente para as pessoas.

Invista no equipamento adequado

Se por alguma razão não puder usar um tripé enquanto tira fotografias, deve sempre colocar a parte superior do seu corpo sobre uma superfície sólida.

Inclusive um truque de grandes fotógrafos: Segure a respiração se puder enquanto tira a fotografia. Isto irá minimizar o tremor durante a exposição, resultando em fotos mais claras. No entanto, um tripé é sempre melhor.

tripé-fotografia

A melhor maneira de arruinar uma foto é mover a câmera durante o disparo. Mantenha a câmera estável e dê-lhe algum apoio quando pressionar o botão de liberação do obturador.

Quando você falar com profissionais, eles lhe dirão para usar sempre um tripé. Às vezes, um tripé não é uma solução prática. Use qualquer coisa disponível, como encostar a câmera contra uma parede ou em cima de uma cerca para tirar uma boa foto.

Compre uma câmara DSLR se quiser tirar fotografias de aspecto profissional.

Quando comprar uma câmera, não se preocupe com a quantidade de megapixels no produto; em vez disso, concentre-se no sensor de imagem.

A maioria dos fotógrafos profissionais compra câmeras DSLR de fotogramas completos que tiram fotos incrivelmente claras do seu objeto. Essas câmeras te permitem um melhor controle de qualidade da foto e configurações como abertura de diafragma, ISO, obturador e outras funções importantes na fotografia.

Uma boa dica para a fotografia é levar a sua máquina fotográfica consigo para onde quer que vá. Nunca se sabe quando é que se pode apresentar uma oportunidade incrível.

Se você não tiver a sua câmera naquele momento, certamente se arrependerá mais tarde. Tente sempre levar a sua máquina fotográfica consigo para onde quer que vá.

Dê total atenção ao objeto ou assunto da foto

Ao fotografar um assunto, aumente para preencher todo o visor. Caso contrário, as fotos podem estar muito afastadas ou desfocadas para claridade. O resultado de uma fotografia de grande plano será uma imagem vívida que você mais gostará.

Certifique-se de encontrar um tema interessante e convincente.

O objeto errado pode arruinar uma fotografia, não importa o quão avançado seja o seu equipamento ou quão boas sejam as suas capacidades fotográficas.

Encontre inspiração nos objetos ou escolha um modelo que seja confortável para si.

Faça seu networking

Trabalhe em rede com outros fotógrafos através do seu clube de fotografia local ou tire fotografias com um parceiro.

Outras pessoas que compartilham seus interesses podem lhe fornecer grandes informações, mas tente não deixar que elas influenciem a maneira como você tira suas fotos.

Compare as diferenças de estilo entre fotos tiradas no mesmo objeto.

Uma boa dica para a fotografia é usar flash quando o sol está fora. Por vezes o sol cria sombras desagradáveis e torna o objeto da fotografia não tão bonito quanto poderia. Usando o flash vai preencher algumas sombras e o assunto vai ficar melhor.

Obtenha vistas de diferentes ângulos do assunto ou da cena que está a fotografar. Muitos fãs não vão demorar a mover-se à volta do assunto para encontrar o melhor ângulo. Se o fizer, verá que há muitas fotos diferentes a tirar sobre um assunto.

Para obter uma foto interessante, brinque com a iluminação. Se a iluminação natural não for perfeita, não sinta a necessidade de usar o flash da câmera.

Brinque com as sombras da cena ou mova o objeto em direção à luz e deixe a escuridão eliminar o fundo por trás dela. Há muitas maneiras de brincar com a luz que podem parecer menos favoráveis no início, mas que funcionam bem no final.

Não se esqueça de tornar a fotografia divertida, aproveite cada momento! Com estas grandes dicas, você definitivamente se tornará um bom fotógrafo.

Balcões para lojas: Como Escolher?

vidro

Dentro da escolha de móveis comerciais, os balcões das lojas são protagonistas claros. Existe uma grande diversidade de balcões em diferentes materiais, acabamentos e funcionalidades, perfeitos para se adaptar a cada tipo de comércio.

Confira também: Vitrine de Vidro – Compre agora para a sua Loja.

vidro

Tipos de contadores para lojas

Vários fatores influenciam a escolha do balcão da loja, não é apenas uma avaliação pessoal. Temos que nos adaptar ao tipo de negócio, para que esse mobiliário seja fiel à sua natureza e ofereça todo o potencial necessário.

Principalmente, a função do contador reside em servir como uma vitrine interna para uma série de produtos. Um balcão de joalheria não é o mesmo que para roupas de bebê, porque, embora compartilhem características semelhantes, podemos encontrar diferenças sutis que podem ser mais ou menos precisas, dependendo do nosso negócio.

Balcões para lojas de roupa

Esse tipo de contador é usado como regra geral para colocar a caixa ou o sistema de proteção de caixa para a coleta de clientes. Sua parte frontal é lisa e pode ser impressa em tela ou gravada com o logotipo da loja. Na parte interna, eles podem incluir gavetas para que os funcionários da loja possam ter todo o material necessário.

No estilo industrial, você pode escolher balcões em madeira combinados com ferro forjado. O importante é que, para recriar o estilo, sua aparência é mais áspera que os móveis comuns. No telhado, tubos ou cabos nus, juntamente com paredes de tijolo, terminam de fechar a equação desse estilo tão popular hoje em dia.

Contadores vintage

No caso de boutiques de roupas, linhas elegantes e sofisticadas tendem a funcionar, portanto, dependendo do design de interiores da loja, podemos escolher balcões vintage com tons pastel em decapagem ou com madeira natural, oferecendo maior destaque aos móveis. O importante aqui é mostrar personalidade e bom gosto.

Podemos optar por um balcão com pernas viradas e alças vintage para um estilo clássico renovado ou clássico moderno. Na Equone, temos um departamento de design de interiores que estuda a imagem corporativa da empresa para desenvolver uma decoração de interiores completamente adaptada à empresa.

Contadores Kiosko

Esse tipo de balcão possui uma peculiaridade, pois integra um porta-revistas em um lado dos móveis ou na frente para localizar jornais ou revistas.

A versão mais padrão dos contadores de quiosques é em acabamento madeira ou branco

Balcões têxteis

Também é exigido que os contadores localizem tecidos como blusas, jaquetas ou camisetas, devidamente organizados em uma prateleira de livraria. Esses contadores podem cobrir toda a parede aproveitando o espaço máximo disponível e ficar atrás do balcão da loja, para que os clientes possam ver mais produtos quando pagarão pela compra.

Balcões de padaria

No caso de balcões de padaria, é necessária uma vitrine de vidro para expor os produtos ao público, às vezes sendo refrigerados para manter o produto em perfeitas condições em qualquer época do ano. Existem combinações em forma de L para aproveitar ao máximo o layout da loja.

Balcão da estação de serviço

Os balcões das lojas como postos de serviço são compostos por vários níveis nas escadas para colocar produtos de compra por impulso, ou seja, aqueles que o consumidor espera enquanto paga: produtos de baixo preço que geralmente atraem nossa atenção, seja por sejam doces (chicletes, chicletes e similares) ou porque são produtos destinados a crianças, que geralmente também são comprados por meio dessa técnica de marketing.

Balcões ou mostruários de vidro

Os mais escolhidos para joias, produtos de joalheria ou similares que exijam visibilidade pública, mas que sejam adequadamente protegidos. Podemos até eletrificar a parte interna para melhorar a visibilidade do produto sem manipulação direta.

Ao escolher o balcão da loja, devemos nos concentrar não apenas na atividade de nossos negócios, mas na imagem da marca que queremos projetar na mente do consumidor em potencial.

Balcões estofados

Outra opção nessas empresas de estilo elegante, os balcões estofados no estilo de um dos tipos mais emblemáticos de sofá do século XX: o chestre. Traz glamour ao ambiente, para que possa ser usado em butiques ou clínicas de estética onde você deseja prestar um serviço exclusivo aos clientes.

Contadores com LED embutido

Uma das tendências nos últimos anos tem sido a incorporação de LEDs ao design de interiores, servindo não mais como elemento de iluminação, mas mais para o lado da decoração. Assim como as tendências domésticas, o mobiliário comercial está sendo imposto como uma das opções modernas mais solicitadas nos últimos anos.

Esse tipo de contador pode ser perfeito tanto para uma clínica de beleza quanto para aqueles relacionados à tecnologia. E, inclusive, para qualquer tipo de loja na parte traseira de um painel no qual possamos colocar o logotipo comercial.

Ideias de balcão da loja

Na Equone, trabalhamos com os melhores fabricantes de móveis comerciais , portanto, se você estiver interessado em consultar algumas idéias para o balcão da loja, podemos oferecer uma solução personalizada.

Além disso, através do nosso serviço de carpintaria, podemos fazer um balcão personalizado para se adaptar aos medidores disponíveis no seu negócio.

 

Melhores jogos de azar para apostar

jogos de azar

Se você é daquelas pessoas que gosta de jogar em loterias e jogos de azar, esse artigo é especialmente para você.

Os jogos de azar existem a vários anos, podemos citar como exemplo o jogo do bicho, muito famoso no Brasil, no qual milhares de pessoas

jogam todos os dias em busca de premiações. Podemos dar os exemplos também das loterias, na qual a mais famosa do Brasil, é a mega sena.

A mega sena conta com a maior premiação do país, e por isso vemos nas casas lotéricas filas imensas de apostadores fazendo suas apostas.

Mais será que vale apena jogar em jogos de azar e loterias?

 

Jogos de azar e loterias

Dentre os jogos de azar, estão também os cassinos, caça níqueis e vários outros jogos. Muitas pessoas perdem até casas nesses tipos de jogos, portanto, é preciso tomar cuidado.

Se não houver o auto controle, a pessoa acaba indo para o buraco. E, para controlar o vício é um pouco difícil.

No artigo de hoje, eu quero te falar qual seria a melhor opção de aposta, para que você faça seus jogos mais com controle, sem empolgação ou jogar aquilo que não pode jogar.

As loterias poderia ser nossa melhor opção, porém além dos valores estarem um pouco altos, devido ao recente aumento, as chances de ganhar são bem pequenas.

A loteria mais fácil de ganhar é a Loteria Federal, isso mesmo, basta analisar as probabilidades e ver como as chances de ganhar nessa loteria são bem maiores.

Porém, os apostadores não se dão conta disso, e jogam nas mais famosas como mega sena, lotofácil, quina e acabam esquecendo da Federal.

Aqui vai uma dica, se não quiser perder tanto dinheiro, tente apostar na Federal, a loteria mais fácil de ganhar de todas as outras.

 

Jogo de azar

Se tratando de jogos de azar, eu indicaria o famoso jogo do bicho, foi criado há anos e até os dias de hoje não teve sua liberação.

Não conseguimos entender ainda o real motivo da não liberação do bicho, mesmo assim, muitas pessoas apostam todos os dias sonhando em ganhar premiações.

Esse jogo é possível que o apostador aposte pouco e ganhe muito dependendo do resultado é claro, porém as chances se comparado com as loterias, são bem maiores.

Se você não conhece, recomendo que acesse esse site e entenda tudo sobre esse jogo de azar, veja em http://palpitesdobicho.com.br/

 

Cuidados antes de jogar

Antes de fazer suas apostas, veja esse artigo e tome certos cuidados para não cair no vício de apostas, pois isso pode acabar lhe trazendo uma imensa dor de cabeça no futuro.

Nosso site não incentiva ninguém ao jogo, portanto, é de livre e espontânea vontade a decisão de jogar do leitor. O artigo é feito baseado em ajudar você a escolher

um tipo de jogo que faça com que você não perca tanto, e sim, ganhe mais. Porém vai depender apenas de você.

Espero que você tenha gostado desse artigo e saiba escolher o melhor jogo para você. E lembre-se, cuidado para não cair no vício e acabar apostando aquilo que não pode.

Hipoglicemia no diabetes: principais causas, sinais e sintomas

Hipoglicemia no diabetes: principais causas, sinais e sintomas

Entendendo a diabetes, a composição biológica humana é tão complexa quanto a pessoa humana. Ele é formulado com funcionalidades básicas que devem, em todos os momentos, ser consistentes com o grau assumido necessário para que certas funções sejam efetivas. Diabetes e hipoglicemia são os distúrbios biológicos que constantemente lembram a necessidade de moderação, tendo em conta o profundo contraste que existe em ambos.

O diabetes é um grupo de distúrbios metabólicos em que níveis elevados de açúcar no sangue estão presentes por um longo tempo. Simplificando, é um distúrbio que é sustentado pela presença de um nível mais elevado de açúcar no sangue na corrente sanguínea. Este distúrbio tem sido temido em nosso século e tem dado a muitas pessoas cautela para restringir as causas notáveis ​​e viver longe da desordem.

Por outro lado, a hipoglicemia é o outro risco oposto ao diabetes. Enquanto o diabetes mellitus ocorre como resultado do excesso de açúcar na corrente sanguínea, a hipoglicemia é sofrida como resultado de baixos níveis de glicose (açúcar no sangue), que é a principal fonte de energia no corpo.

Frequentemente, a hipoglicemia está associada ao tratamento do diabetes porque, no tratamento do diabetes, o teor de açúcar da maioria dos pacientes é desproporcional ao grau de hipoglicemia. Em raras situações, no entanto, um bom número de condições em não-diabéticos pode levar a níveis baixos de açúcar no sangue. A hipoglicemia não é uma doença em si, mas um indicador de um problema de saúde, como a febre.

Causas da Hipoglicemia no Diabetes

Os pacientes com diabetes geralmente não conseguem produzir insulina suficiente (diabetes tipo 1) ou respondem muito menos à insulina no diabetes tipo 2. Portanto, a glicose tende a se formar na corrente sanguínea e pode atingir um nível muito alto. Tomar insulina ou outros medicamentos para baixar os níveis de açúcar no sangue são possíveis medidas corretivas.

Mas, a ingestão excessiva de insulina ou outros medicamentos para diabetes pode fazer com que o nível de açúcar no sangue diminua para um nível desnecessariamente baixo, levando à hipoglicemia. Se um paciente diabético não comer tanto quanto de costume depois de tomar medicamentos para diabetes, ou se ele estiver mais do que o normal, a hipoglicemia também pode ser o resultado.

Episódios de baixo nível de açúcar no sangue são muito desconfortáveis ​​e assustadores para pacientes diabéticos. A experiência contínua de episódios repetidos de hipoglicemia geralmente resulta em menos insulina sendo tomada para garantir que os níveis de açúcar no sangue não se tornem muito baixos. No entanto, também é perigoso, por si só, se o nível de açúcar no sangue se mantiver elevado, o que pode causar danos nos vasos sanguíneos, nos nervos e em vários órgãos do corpo.

Sintomas de hipoglicemia em pacientes diabéticos

Os sintomas dependem do grau de hipoglicemia. Por exemplo, se o nível de açúcar no sangue fica muito baixo: fadiga, tremores, sudorese, ritmo cardíaco irregular, branqueamento da pele, irritabilidade, fome e ansiedade são provavelmente sinais e sintomas.

Mas, no pior dos casos, visão turva, confusão / comportamento anormal (ou frequentemente ambos), perda de consciência, convulsões, palavras obscurecidas e movimentos desajeitados são geralmente os sintomas de hipoglicemia.

O caminho a seguir

A hipoglicemia é sensível em si mesma, mas se torna mais sensível quando ocorre em diabéticos. É altamente recomendável seguir o plano de controle do diabetes que um paciente desenvolveu com seu médico, como plano de refeições, exercícios, medicação, etc.

O Monitor de Glicose Contínua (CGM) também é uma boa opção , Os carboidratos de ação rápida, como comprimidos ou suco de glicose, devem estar sempre nas imediações do paciente, para que o paciente possa tratar o açúcar no sangue imediatamente antes do perigoso mergulho nasal.

Fonte: https://www.canalminassaude.com.br/